/ OVAR

Ovar terra-mãe dos pescadores de arte xávega, comunidade organizada que praticava a pesca oceânica, referenciada desde 1354.

A praia do Furadouro, lugar antiquíssimo, inserido na linha da costa baixa e arenosa da frente atlântica, a sul 30 km da foz do rio Douro e próximo da parte norte da ria de Aveiro. Em 1751, surgiu um novo quadro da actividade económica ligada à pesca da sardinha. A introdução da arte xávega neste ano, associado ao desenvolvimento da técnica da salga, permitem as condições ideais para fixação de alojamento e respectivo povoamento. Com o surgimento da primeira guerra na Europa, o incremento da indústria de conservas, servia a nutrição dos exércitos militares, com as potências bélicas obrigadas a investir na conserva da sardinha.

Com o crescimento da indústria de conserva criam-se as infra-estruturas de circulação e transporte para colocar o produto nas regiões periféricas, sendo o caminho entre o Furadouro e a estação de caminhos de de ferro, (1863) um beneficio para as estâncias balneares, no entanto, um árduo caminho para o transporte do pescado, dando lugar mais tarde à estrada do Mar, ligando a vila ao mar.